Venham mais cinco!

Parece consensual que Sócrates se deveria demitir, pôr o lugar à disposição, e salvar o pouco que resta de credibilidade do PS. É também a minha opinião. Sócrates deixou de ter condições de governar, independentemente da justeza ou não das razões que lhe assistem.

Obviamente que a questão do polvo socialista não me causa qualquer repúdio, e muito menos surpresa. Lendo a transcrição das escutas publicada no SOL, afigura-se-me que aquilo deve ser o santo e a senha de qualquer negociata mais escura que aconteça entre estes tubarões das grandes companhias. Imaginem o telefone do Moniz estar sob escuta e estas serem reveladas publicamente – o que não se saberia através delas! Até um homem que ainda há pouco tempo se encontrava enterrado em negociatas com uma universidade de recorte duvidoso, se alçou aos cumes da lisura moral e do comportamento impoluto, bradando do seu púlpito qual pregador evangelista. O jornal da Moura Guedes deveria fazer menção a isso, mas talvez fosse demasiado chocante para os critérios editoriais da senhora.

De qualquer das formas, Sócrates está tão atolado em escândalos, suspeições e intrigas que não tem mais condições para continuar.

Agora o que poderia ser verdadeiramente surpreendente seria o seguinte cenário. Sócrates coloca o seu lugar à disposição. Um sucessor natural de Sócrates dentro do PS seria, a meu ver, António Costa – único que tem capacidade de reunir algum consenso e de garantir um capital de prestígio que tanto faz falta aos socialistas. Ora, Costa poderia nem ser assim tão avesso, pelo menos, a um acordo de incidência parlamentar com o BE, parceiro político com que conviveu no passado na Câmara de Lisboa. Um governo do PS encabeçado por Costa e com o apoio do BE seria um força impulsora para a candidatura de Alegre e esta constelação de figuras a única passível de enviar Cavaco para o eterno olvido. Ao retirar-se, Sócrates faria finalmente um serviço ao país.

Há todavia um factor de perplexidade no meio desta história algo rocambolesca. Vimos suficientes coisas que vão a acontecendo na vida política deste país para que nos deixemos encantar pelo enredo da ingenuidade dos envolvidos. O SOL publicou apenas as escutas agora. Por quê? A sensação que tenho era que estariam à espera da votação do Orçamento. E isso beneficiaria o PS? Não. Beneficia amplamente o PSD e CDS-PP. Qualquer escolha que venha a seguir a Sócrates dentro do PS, quem se perfila é necessariamente mais à esquerda do que a ala socrática. António Costa é o exemplo. Por conseguinte, seja qual for essa escolha, ficará inexoravelmente manietada por um orçamento de direita, negociado à direita, com grande influência do CDS. Os bancos ficam contentes; os grandes grupos económicos também. Sócrates, quer o diabolizem quer o entronizem, é um mero peão. Mas um governo com um pendor esquerdista é uma variável mais incontrolável. O PSD e PP, assim como os interesses que estes representam, sabem-no bem. Daí que atirar Sócrates pela borda fora tem que obedecer escrupulosamente a um timing preciso. A publicação a conta-gotas das escutas por parte do SOL não é inofensiva. Primeiro espera-se a votação do Orçamento, os acordos de bastidores com as forças que realmente interessam; subsequentemente desfere-se uma estocada de morte no socratismo. Acrescente-se a isto a aproximação das eleições no PSD e a emergência de uma sua direcção renovada, e temos uma estratégia muitíssimo bem gizada que nada deve ao acaso.

Repito, a única conjugação de factores que poderia estragar os planos de um pleno de direita – o tal pleno tão apetecido mas que tarda para desespero dos barões do PSD -, ou seja, governo de coligação PSD, CDS com Cavaco a presidente, seria António Costa assumir o lugar de primeiro-ministro e deixar-se de pruridos em relação ao BE (eventualmente, mesmo ao PCP). Todavia o PS é conhecido por gorar as expectativas mais atractivas para a esquerda e para uma política com estas condicente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s